Como fazer um Recurso de Placa Clonada

Placa Clonada

É muito comum recebermos multas por infrações que não cometemos. Às vezes, elas acontecem em cidades distantes ou até em outros estados onde nunca estivemos. Com certeza, esse é um caso de placa clonada. Para que não tenhamos que pagar por uma infração não cometida, devemos entrar com um recurso dirigido ao órgão expedidor da autuação, que pode ser o DETRAN ou o órgão municipal. No entanto, lembre-se que ele deve ser enviado dentro de 30 dias para que seja avaliado e julgado pelas instâncias responsáveis.
Para escrever o recurso de placa clonada, tenha comprovantes dos lugares em que você esteve no dia e no horário da autuação, que podem ser em forma de recibos, atestados ou notas fiscais, que devem ter cópias anexas ao recurso.
Atualmente, a maioria das autuações vem com fotos. Por isso, fica mais fácil identificar o veículo autuado. Desse modo, você pode se defender no recurso explicando as diferenças entre o seu carro e o carro da foto. De preferência, anexe uma foto do seu automóvel ao recurso para dar mais credibilidade ao documento.
Assim que você perceber que é um caso de placa clonada, vá à Delegacia de Polícia mais próxima e faça um Boletim de Ocorrência, cuja cópia deve ser anexada aos outros documentos do recurso.
Para começar o recurso, use o pronome de tratamento Ilustríssimo Senhor Presidente da JARI do… (órgão que aplicou a multa) do município de…
No primeiro parágrafo, escreva o seu nome e endereço, explicando que está interpondo um recurso de acordo com a Lei nº 9.503/97 por ter recebido uma autuação por uma suposta infração de trânsito.
No próximo parágrafo, descreva o tipo de infração notificada na autuação, especificando o modelo do seu automóvel. Em seguida, explique que o veículo fotografado, apesar de ter a mesma placa que o seu, não o é. Então, especifique as diferenças entre os dois.
Depois, escreva que o Boletim de Ocorrência já foi registrado (em anexo), tendo sido protocolado pela JARI para evitar as responsabilidades por outras infrações não cometidas.
No último parágrafo, peça pela anulação da autuação e pela revogação dos pontos da carteira de habilitação.
Escreva o nome da sua cidade e a data em que o recurso foi enviado, escrevendo o seu nome completo por extenso e assinando o documento. Todos os papeis devem ser enviados via fax, correio ou correio eletrônico ao órgão responsável pela multa.

Para um material completo com mais de 100 recursos prontos, para as mais diversas infrações clique aqui.

GD Star Rating
loading…

Como fazer um Recurso de Placa Clonada, 3.1 out of 5 based on 8 ratings

Uma Resposta para “Como fazer um Recurso de Placa Clonada”

  1. solange vieira cavalcante

    abr 22nd, 2013 :

    obrigada, por este kit tira multa, pois, não vou mais pagar advogadopara fazer esse recussos.

    solange

    GD Star Rating
    loading...

Deixe um Comentário

Nome (Obrigatório)

Email (Obrigatório - não será publicado)

Website

Message (Obrigatório)


Todos os direitos reservados TiraMulta.com Copyright ©.